Posts Marcados Old School

Internet Old School

– DESLIGA ESTA M$%^^& QUE EU QUERO LIGAR PARA SUA AVÓÓÓÓÓ!!!
(Quem nunca, gente? Opa, quem com mais de 25, nunca?)

Sempre achei que a internet fosse o meu gueto. Minha área, e aqui eu me entendo, mesmo quando eu me virava para conectar em um Petium 133ghz, com hd de 1GB (!). Conectava feliz depois da meia noite – acho que as olheiras são nutridas deste tempo pavoroso – e os fins de semana ninguém podia ligar: eu estava “nas interneds”.
Sou da vanguarda: usei mIRC, fui OP de canais importantes da roça (lágrimas das inimigas da época me banhavam), fiz amigos virtuais que se tornaram amigos reais, e fui uma semi-webcelebridade (oi?!). MSN é coisa de gente nova, meu negócio era o ICQ – aliás, eu acho que não sei o número do telefone de casa, mas lembro do meu ICQ. Orkut? Negócio era Lual do #Macae onde a gente conhecia todo mundo.

Na era onde blog era um diário, e a coisa toda tinha sentido, eu era famosa. Já fui reconhecida em shopping e na escola era meu nick que bombava. Existiam duas realidades, onde a Luize era eu no meu dia a dia penando com a escola técnica e NeO_GirL que gerenciava sites, era blogueira e conhecia todo mundo da nuvem. Para você ver, caro leitor nascido na década de 90, quando eu fiz 15 anos, a moda era todo mundo ir para Disney e endividar os pais pela década seguinte, eu quis uma câmera digital (3.2 MP, top, capa de revista!) e um PC.

Só que a nuvem cresceu, os esmaltes ficaram mais importantes que o conteúdo das pessoas e eu comecei a me relacionar sério, trabalhar e fazer faculdade, não tinha tempo para respirar, o que dirá comentar em blogs alheios e conversar com os outros. Assim morreu o toxicide.org.
Na era que domínio próprio era coisas de poucos, ostentação era ter um .com.br, e até hoje sinto saudades do falecido toxicity.com.br/neo.
A internet me trouxe minha primeira profissão – iludida tadinha, achei que ia virar webmaster pica das galáxias, mas virei mesmo programadora, por quatro infinitos anos, antes da faculdade – me trouxe pessoas próximas, me permitiu conhecer shows bacanas e gente que depois de 10 anos ainda continuamos nos falando e nos esbarrando. Posso dizer que sem a internet eu continuaria sendo a gordinha tímida e nenhum um pouco popular e não teria vivido uma das melhores épocas da minha vida.
Sinto falta dessa época, é claro. Foi ali que tudo começou, mas a vida é isso e somos todos pokemons temos que evoluir ❤ e as coisas mudam – ainda bem, né?

Anúncios

,

Deixe um comentário